29 junho 2016

Como foi a primeira semana do meu primeiro filho em casa



Oi gente, tudo bem?

Hoje eu resolvi falar um pouco do que vivi na primeira semana do meu primeiro filho em casa, não  estou fazendo esse post para te assustar nada disso. Apenas resolvi dividir um pouco do que passei com tudo que vivi com meu primeiro filho.

Enquanto você esta na maternidade tudo esta indo as “mil maravilhas” as enfermeiras levam o bebe para dar banhos, no meio da noite levam para o berçário e você consegue descansar sem contar que sempre tem alguém ali para te auxiliar.

Chega o dia de ir para casa... no começo parece assustador e na sua cabecinha começam os medos e os pensamentos de como será? Você vai dar conta, saberá como agir e mais um turbilhão de pensamentos e receios.

Respira fundo e mantenha a calma, o primeiro passo e te falo por experiência essa fase é difícil é sim mais vai passar! Na primeira semana eu pensei “essa parte de como seria difícil ninguém me avisou” eu sentia vontade de chorar, achei que não daria conta, mais amiga futura mamãe não tenha medo você descobre que é mais forte do que imagina. 

Eu gostaria sim que alguém tivesse me falado olha é difícil sim, mais tudo é uma fase, e não só “olha dorme bastante agora” porque vai além das noites em claro, eu me sentia tão frágil tinha medo de tudo, e varias pessoas palpitando na minha cabeça não me ajudou em nada pelo contrario fazia eu me senti pior ainda. Para minha sorte minha mãe estava ali presente comigo o tempo todo, acordando nas madrugadas e me fazendo companhia me apoiando e assim tudo foi se tornando parte da minha nova rotina. Também contei com a ajuda do meu esposo que foi indispensável sua compreensão e seu carinho.

Foram dias difíceis sim, mas tenho certeza que aprendi muito, cresci por dentro como mulher e aprendi a confiar mais em mim, eu tive vontade de chorar muitas vezes mais quando via meu filho ali tão indefeso precisando de mim e segurei meu choro e pensei eu consigo sim.

Senti dores nas costas de tanto ficar sentada, quando ia tomar banho ouvia meu filho chorando mesmo que ele estivesse dormindo, chequei varias vezes se ele estava respirando, senti dor ao amamentar sim muitas vezes, mais também não desisti porque sabia que era o melhor para meu filho, cometi erros que toda mãe de primeira viagem comete mais hoje posso dizer que não me arrependo em ter escolhido ser mãe e tenho certeza que estou preparada para ser mãe de novo, com medo? Sim mais com a certeza de que tudo nessa vida vale a pena quando é feito por amor.

Por tudo isso que vivi na pele eu não julgo as mães que ficam com depressão quando são abandonadas pelos maridos ou namorados, não julgo as mães que não querem ter mais de um filho, não julgo as mulheres que não querem ser mães porque elas sabem o que podem ou não viver, em fim não julgo ninguém por suas escolhas, e foi sentindo na pele que eu aprendi a valorizar o amor da minha mãe e compreender por diversas vezes suas atitudes que antes eu não entendia.

Gente peço desculpas se o post ficou muito grande, foi uma mistura de sentimentos ao relembrar cada momento para escrever aqui para vocês, espero que tenham gostado. Não necessariamente irá acontecer com você tudo que aconteceu comigo.
Obrigada pela visita =)
 Bjus
Jacky

Se Inscreva Aqui:



Pin It

3 comentários:

  1. Ótimo post Jack!!! E sem essa de pedir desculpa por ter ficado grande, pois os melhores posts em minha opinião como leitora, são esses enormes mesmo, bem escrito e com riqueza de detalhes!!! Estou muito ansiosa com a chegada da minha primeira filha, ao mesmo tempo em que parece estar longe, falta pouco tempo para ela estar em meus braços!! Tenho lido muito ultimamente sobre maternidade, visto muitos vídeos de dicas no youtube, etc... Já estou consciente de que não será um mar de rosas pelo menos no começo, até pq, nem tudo é lindo como o que vemos sobre gravidez nas redes sociais! A realidade é outra, pois lá obviamente só mostramos o que os outros de fato querem ver: vc linda, esbanjando felicidade, os looks ,etc... Mas só nós, mulheres guerreiras sabemos e conhecemos de fato o lado "nem tão florido assim" da gravidez e da maternidade!! Mas fomos agraciadas por Deus nesse papel de mãe e tenho certeza que tiraremos de letra, pois Ele nos capacitará, especialmente vc que será mãe de segunda viagem! Beijos linda e que seu príncipe venha com muita, muita saúde!!! No aguardo de mais posts sobre esse assunto! ♥

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ai que fofa, muito obrigada pelo comentário, fico muito feliz em saber que voce esta gostando. Com certeza farei outros sim porque eu amo escrever sobre a minha experiência em ser mãe, quero passar um pouco do que vivi e quem sabe poder ajudar as mamaes como eu que estão aprendendo aos poucos como é lindo essa dadiva e alegria que Deus nos dá. Um Bjão tenho certeza que voce será uma otima mae.

      Excluir

Me conte o que achou...